Pra Dizer Adeus

Confirmando o que dizem que a maioria das músicas “tristes”, de fossa são lindas, resolvi trazer uma das minhas preferidas (não que eu esteja na fossa, longe disso!).

O que me motivou a escrever este post foi eu ter ouvido (a tempos não ouvia este CD) esta música na voz da diva Sarah Vaughan. Ok, ela cantou em inglês. Mas ela DESTRÓI… Seus graves, seu vibrato, sua afinação, sua emoção… Bom, daria pra falar linhas e linhas sobre ela mas, como o foco aqui é música brasileira, vamos ficar na história da música.

Pra Dizer Adeus é uma composição de Edu Lobo e Torquato Neto. Segue a letra (vou colocar em português e inglês, por conta do áudio da Sarah Vaughn). Só ouvindo para entender a beleza desta música.

No final, link para ouvir as duas versões (Uma do Edu com o Tom e a outra, da Sarah Vaughan):

Adeus
Vou pra não voltar
E onde quer que eu vá
Sei que vou sozinho

Tão sozinho amor
Nem é bom pensar
Que eu não volto mais
Desse meu caminho

Ah, pena eu não saber
Como te contar
Que o amor foi tanto
E no entanto eu queria dizer

Vem
Eu só sei dizer
Vem
Nem que seja só
Pra dizer adeus

Goodbye
It’s all over now
You been gone before
But this time it´s over

There´s no much to say
You’re not coming back
You just close the door
Leaving me alone now

Oh was it just a dream
Never really true
Why am I so lonely
Oh so lonely
Please come back to me

Come if it’s one more time
Come even just to say
Just to say adeus

Oh was it just a dream
Never really true
Why am I so lonely
Oh so lonely
Please come back to me

Come if it’s one more time
Come even just to say
Just to say goodbye

Pra Dizer Adeus (dueto com Tom Jobim)

To Say Goodbye