Raphael Rabello – Desvairada

Raphael Rabello, tocando Desvairada (Garoto), em 1992, na residência de Pascoal Guimarães, seu amigo. Sem dúvida, um dos maiores violonistas de todos os tempos. Raphael Rabello foi um dos músicos que melhor fez a fusão entre o erudito e o popular. Conseguia transitar entre as salas de concerto e os bares com a mesma competência e harmonia.